Seduzir com prazer

Ao criar este blogue, a ideia foi partilhar a minha experiência adquirida ao longo de 15 anos de frequência em sites, chats e redes sociais. Teclei, conversei, conheci muitas pessoas e vivi experiências que foram a vertente prática da minha aprendizagem. A net, com a possibilidade de nos relacionarmos anonimamente, veio trazer novas formas de interagirmos uns com os outros.

O objetivo deste blog é, através da partilha, ajudar a que todos nós compreendamos melhor esta nova realidade, e com isso estimular a reflexão de temas como o amor, o sexo e os relacionamentos em geral. Assim, publicarei algumas histórias por mim vividas, reflexões, informação que ache relevante, históricos de conversas, e algumas fotos sensuais de corpos de mulheres com quem troquei prazer e que tive o privilégio de fotografar. Todos os textos e fotos que vou publicando, não estão por ordem cronológica, e podem ter acontecido nos últimos 15 anos ou nos últimos dias. Todas as fotos e conversas publicadas, têm o consentimento dos intervenientes.

As imagens publicadas neste blogue estão protegidas pelo código do direito de autor, não podendo ser copiadas, alteradas, distribuídas ou utilizadas sem autorização expressa do autor.


8.11.11

Conversa 283 M João 42 C21

M João 42 diz (16:22) Quando se ama a sério, existe ciúme, eu acho
xarmus diz (16:22) existe ciúme do amor se houver insegurança nesse amor... suporta-se perfeitamente o ciúme do sexo
xarmus diz (16:23) quando se ama verdadeiramente uma pessoa... temos prazer em lhe dar prazer e ver o nosso amor feliz... e para isso não nos importamos que a pessoa que amamos tenha sexo com outra pessoa se isso a faz feliz
M João 42 diz (16:24) Sim, mas na fase inicial da paixão, não se tolera dividir o parceiro
xarmus diz (16:24) sim.. nessa fase é difícil… mas isso é numa fase da paixão e não propriamente do amor… são coisas diferentes.
mas mais para a frente... passados uns anos... isso não é mesmo problema. O amor verdadeiro… é mais maduro, tem uma vertente de amizade e cumplicidade muito grande.
M João 42 diz (16:26) Passados uns anos, sim, isso até pode ajudar a manter a relação
xarmus diz (16:26) eu acho que o ciúme está muito ligado à insegurança... e quando não existe insegurança.... seja em relação ao amor... e em relação ao sexo no sentido de termos a certeza de que a pessoa que amamos gosta mesmo do sexo connosco... não sentimos ciúmes se essa pessoa lhe apetecer variar e viver uma noite de sexo com outra pessoa
xarmus diz (16:27) claro... ajuda mesmo muito... e aumenta a cumplicidade.
e isso prova o que eu estava a dizer... passados uns anos... estamos seguros do amor e do desejo da nossa parceira.
xarmus diz (16:28) e se ela quiser ter uma experiencia diferente... se amarmos mesmo essa pessoa... aceitamos isso na boa
M João 42 diz (16:29) Sim, isso é uma excelente forma de manter as relações
xarmus diz (16:30) eu tinha uma amiga swinger que dizia… “adoro os relacionamentos liberias... duram mais tempo”
hehehehehehehehehehe
xarmus diz (16:33) quando temos a certeza que a pessoa com quem vivemos nos ama verdadeiramente, e que somos a melhor foda para ela, não nos importamos que ela viva uma experiencia diferente com outra pessoa, e que desfrute do sexo com alguém novo que lhe pode dar coisas que nós já não podemos... como a novidade... o flirt... o podermos desfrutar do sexo com alguém desconhecido
M João 42 diz (16:34) Sim, eu sei que tens uma excelente experiência nesse sentido
xarmus diz (16:36) no meu caso ainda é melhor.... as mulheres que me amam ou que me amaram... gostam tanto de mim que sentem prazer em dar-me a liberdade de poder desfrutar do sexo com quem quero e me apetece
M João 42 diz (16:36) És um sortudo nesse sentido
mas por mereceres
xarmus diz (16:36) sabem que gosto da variar... que gosto de sexo... e me proporcionam essas experiencias com todo o prazer
xarmus diz (16:38) nunca precisei de mentir ou esconder as minhas experiencias sexuais das mulheres com quem namorei ou fui casado
M João 42 diz (16:39) nem nas fases iniciais?
xarmus diz (16:39) e embora a liberdade fosse para os dois lados, elas nunca usaram isso como moeda de troca... do tipo... se vais foder com aquela ou vou foder com aquele
xarmus diz (16:40) nas fazes iniciais... nem eu tinha essa vontade
M João 42 diz (16:40) isso é normal!
xarmus diz (16:41) quando se está apaixonado numa fase inicial, não se pensa noutras pessoas
só quando se começa a entrar na rotina... se pensa em variar
xarmus diz (16:42) mas também permito e aceito bem que uma mulher que tenha um relacionamento comigo... tenha outros relacionamentos
xarmus diz (16:43) não me dá prazer nenhum, e nalguns casos até posso sentir algum ciúme, mas é coisa que supero bem, e acho que elas também têm o mesmo direito
xarmus diz (16:44) algumas das mulheres com quem me relaciono... também fodem com outros
xarmus diz (16:45) mas também já tive mulheres que apesar de me permitirem estar com outras... elas não estão com mais ninguém, por opção delas
xarmus diz (16:48) as mulheres quando amam... gostam de sentir que são do seu amor... e gostam de se guardar para o seu homem… são raros os casos em que isso não acontece.
xarmus diz (16:50) há de tudo... as pessoas são diferentes umas das outras, têm motivações e posicionamentos diferentes em relação ao sexo
xarmus diz (16:51) os factores dessa diferença são muitíssimos e variados
xarmus diz (16:52) tudo deve ser visto à luz do bom senso e tendo a noção que a liberdade de cada um é o bem mais precioso que qualquer ser pode ter... e há que respeitar isso.
Li nalgum lado uma definição de ciúme que gostei… era qualquer como… ciúme, é o medo que sentimos de perder alguma coisa que não temos a certeza de possuir.

Sem comentários: