Seduzir com prazer

Ao criar este blogue, a ideia foi partilhar a minha experiência adquirida ao longo de 15 anos de frequência em sites, chats e redes sociais. Teclei, conversei, conheci muitas pessoas e vivi experiências que foram a vertente prática da minha aprendizagem. A net, com a possibilidade de nos relacionarmos anonimamente, veio trazer novas formas de interagirmos uns com os outros.

O objetivo deste blog é, através da partilha, ajudar a que todos nós compreendamos melhor esta nova realidade, e com isso estimular a reflexão de temas como o amor, o sexo e os relacionamentos em geral. Assim, publicarei algumas histórias por mim vividas, reflexões, informação que ache relevante, históricos de conversas, e algumas fotos sensuais de corpos de mulheres com quem troquei prazer e que tive o privilégio de fotografar. Todos os textos e fotos que vou publicando, não estão por ordem cronológica, e podem ter acontecido nos últimos 15 anos ou nos últimos dias. Todas as fotos e conversas publicadas, têm o consentimento dos intervenientes.

As imagens publicadas neste blogue estão protegidas pelo código do direito de autor, não podendo ser copiadas, alteradas, distribuídas ou utilizadas sem autorização expressa do autor.


6.9.13

Conversa 910 Maria 42 C42B

(Continuação das conversa 908)

xarmus disse (00:21) e convinha-me tirar-te mais fotos... já só tenho uma ou duas tuas
Maria 42 diz (00:21) mas quero agradar-te
dá-me prazer dar-te prazer
xarmus disse (00:21) e a mim dá-me vontade de abusar de ti
e fazer coisas mais difíceis para ti
Maria 42 diz (00:25) podemos ir explorando essas coisas
há dias ouvi um estudioso destas coisas da sexualidade
falar sobre desejo e prazer
e disse uma coisa que me fez imenso sentido
para lá do prazer sexual propriamente dito
há um outro prazer
que a palavra satisfação capta bem
e lembrei-me das tuas 'sessões'
da recepção, ao ambiente que crias, à conversa, ao riso, todas essas coisas combinadas contigo e o prazer que trocas dá uma coisa acima do prazer
inclui-o mas é maior que ele, embora a palavra satisfação pareça 'menor'
mas é isso mesmo satisfação
e neste tipo de encontros 'até' (!!) se pode trocar prazer de qualidade mas atingir 'essa' satisfação... é ainda mais complicado
xarmus disse (00:32) sim... é verdade
a ideia é que no final do encontro... tenha valido a pena
tenhamos ficado satisfeitos
que tenha sido um momento bem passado.. a todos os níveis
mas eu consigo uma coisa que muitos gajos não conseguem
que é ter um bom ambiente entre os dois
ser tudo muito liberal e à vontade
não haver contrariedades nem castrações de espécie nenhuma
ser tudo... mas mesmo tudo... agradável e prazeroso para os dois
ser tudo consentido e desejado
certos gajos são normalmente muito prepotentes... e gostam de beligerar... de ter razão... de discutir, de humilhar as mulheres
ou pelo menos mostrarem-se superiores a elas
e fazem tudo andar à volta deles... não sabem ouvir...
ou seja... para eles o que elas sentem é pouco importante
só é importante o que eles sentem… o que eles querem
e esse tipo de gajos... por muito bem que lambam... e que fodam... não consegue um resultado igual ao meu
e depois... ter características como caracter... inteligência... tolerância.... simpatia.... altruísmo e inteligência emocional... muito difíceis de encontrar todas num só homem
Maria 42 diz (00:42) pois
que hombre! :)
mas disse isto pq falaste em coisas mais difíceis para mim
e se noutras circunstancias nem me passaria pela cabeça fazer
tu fazes-me desejá-las...
pq surgem nesse contexto da tal satisfação
tua e minha
e pela leitura do blog, percebo que outras mulheres sentem algo parecido
xarmus disse (00:48) e é essa satisfação que as gajas que curtem o bdsm mais duro, sentem
é tudo muito intenso
e as mazelas que lhes fazem lembrar o prazer
saiem mesmo dali esfrangalhadas
mas sentiram... não foi amorfo
Maria 42 diz (00:50) sim
parece que procuram algo diferente do prazer sexual 'habitual'
para ficarem satisfeitas
uma satisfação difícil de definir
dificil de por em palavras
mas o bdms hard é... duro mesmo!
saberás isso melhor do que eu
mas já vi na net coisas incríveis
xarmus disse (00:54) sim... mas nem é isso que me agrada
mas aceito e compreendo que agrade a outras pessoas
Maria 42 diz (00:54) que me parecem totalmente insuportáveis
xarmus disse (00:54) eu gosto de usar abusar... de castigar... às vezes de form bruta... mas coisa pouca
lá está... também me sabe bem fazer sentir algo com intensidade
mas mais que isso... até de as esfrangalhar emocionalmente
através de algum medo... ou do receio do desconhecido… de não saberem o que se vai passar
estar comigo é uma espécie de montanha-russa
eu já reparei que meto mais medo do que depois possa fazer
ou seja... falo como se fosse fazer coisas mesmo más... mas depois acabo por não fazer nada de mais
acho que é uma tentativa de fazer sentir com intensidade
aliás… sou muitas vezes acusado de ameaçar muito e fazer pouco
às vezes... parece que o prazer já não permite ir mais além
Maria 42 diz (00:59) queres explicar esta ultima frase?
é o prazer que te trava?
xarmus disse (01:04) não... parece que por mais prazer que se dê... chega a um ponto e não se consegue ir mais além
Maria 42 diz (01:07) ir mais além nos abusos? é isso?
xarmus disse (01:08) não… o prazer já é tanto que parece não ser possível sentir mais prazer
e os abusos... em certa medida... são uma forma de ir mais além
na intensidade das sensações
e para mim... e para algumas amigas que gostam... os abusos são ir mais além no prazer… há o poder e a dominação… a entrega, a confiança
Maria 42 diz (01:10) percebo
voltando ao q disseste à pouco
de facto a tua conversa assusta um bocado
um bom bocado...
mas na prática não vais 'tão longe'
e é muito interessante que uma mulher assustada ctg... vá ter ctg...
mas depois esse receio passa a confiança
xarmus disse (01:14) sim... eu também gosto que elas venham apesar do medo que lhes possa criar
é uma forma de me sentir desejado... e que apesar das ameaças... vão mesmo ter comigo… e arriscam
ou seja... sentir a vontade delas... apesar dos receios
isso dá-me imenso prazer
Maria 42 diz (01:16) alguém já disse que o desejo é o desejo do desejo do outro
discutível... mas verdadeiro em alguns casos
xarmus disse (01:17) sim... eu sinto isso
e já percebi que é uma das coisas que as mulheres gostam em mim... o meu desejo
o meu prazer
como tenho muitos orgasmos… é muito bom para quem os provoca também
às vezes... quando me preocupo demasiado com o prazer delas... acaba por não ser tão satisfatório para elas… por faltar o meu prazer
apesar de gostar de dar prazer... não posso descurar o meu prazer
para prazer delas também
Maria 42 diz (01:20) exactamente
mas tu és muito expressivo
sentir-te ter prazer é muito gratificante
o teu prazer é muito intenso e muito 'genuíno' e isso é muito bom

(Continua no próximo post)

Sem comentários: