Seduzir com prazer

Ao criar este blogue, a ideia foi partilhar a minha experiência adquirida ao longo de 15 anos de frequência em sites, chats e redes sociais. Teclei, conversei, conheci muitas pessoas e vivi experiências que foram a vertente prática da minha aprendizagem. A net, com a possibilidade de nos relacionarmos anonimamente, veio trazer novas formas de interagirmos uns com os outros.

O objetivo deste blog é, através da partilha, ajudar a que todos nós compreendamos melhor esta nova realidade, e com isso estimular a reflexão de temas como o amor, o sexo e os relacionamentos em geral. Assim, publicarei algumas histórias por mim vividas, reflexões, informação que ache relevante, históricos de conversas, e algumas fotos sensuais de corpos de mulheres com quem troquei prazer e que tive o privilégio de fotografar. Todos os textos e fotos que vou publicando, não estão por ordem cronológica, e podem ter acontecido nos últimos 15 anos ou nos últimos dias. Todas as fotos e conversas publicadas, têm o consentimento dos intervenientes.

As imagens publicadas neste blogue estão protegidas pelo código do direito de autor, não podendo ser copiadas, alteradas, distribuídas ou utilizadas sem autorização expressa do autor.


4.10.17

Conversa 1652 Pandora 21 C05B

(Continuação da conversa 1651)

[01:21:50] Pandora 21: Ainda que não esteja nem no menos um, falando de patamares.
[01:22:36] Pandora 21: Não sei se nasci para ser dominada ou para dominar ou para ambos
[01:23:44] xarmus: depende de com quem estejas
[01:23:57] xarmus: comigo... convém que te entregues
[01:24:03] Pandora 21: ambos me excitam. Mas agora mais confiante de mim. Quando te leio nas conversas que tens com as meninas vejo-me noutra posição.
[01:24:10] xarmus: é como gozas mais e melhor
[01:25:05] Pandora 21: Eu sei.
[01:27:47] xarmus: entregas-te e curtes o momento
[01:27:53] xarmus: eu trato dos dois
[01:28:19] Pandora 21: Mas eu sou resiliente. Bichinha inquieta.  Tanto me excita essa coisa de ser tua puta como me dá vontade de te mostrar quem é a puta
[01:28:54] xarmus: hahaha… podemos dividir o tempo ao meio
[01:29:00] xarmus: metade para cada um
[01:29:12] xarmus: e no teu tempo... podes fazer o que quiseres
[01:29:47] xarmus: pela minha experiencia... isso nunca acontece porque depois de provarem serem minhas submissas já não querem dominar
[01:30:09] Pandora 21: Thats the point. Tratar dos dois? Entregar-me e confiar isso a alguém é tipo quem es tu para tratares de mim
[01:30:30] xarmus: se fores muito inquieta... amarro-te... bem esticadinha e depois abuso à vontadinha
[01:30:33] xarmus: hehehehehehehehehe
[01:32:02] Pandora 21: Eu sou de mim antes de ser de outra pessoa. gosto da sensação de bdsm mas não a coisa de minha submissa
[01:32:29] Pandora 21: Gosto da prática não da teoria
[01:32:39] Pandora 21: Faz-te sentido?
[01:35:06] xarmus: pouco
[01:35:43] xarmus: eu não te conheço e não gosto de fazer juízos de valor, de caracter ou de personalidade
[01:36:24] xarmus: mas acho que tens qualquer problema com o teres o controlo... o poder... a dominação
[01:36:58] xarmus: acho que no sexo deves esquecer todas essas merdas e curtir
[01:37:22] xarmus: essas paranoias vão condicionar o teu prazer e a tua entrega
[01:38:09] xarmus: o sexo é um mundo à parte e que não deves ir para o sexo com tanta paranoia na cabeça e tanto condicionalismo
[01:38:16] xarmus: entendes?
[01:38:52] xarmus: a única coisa importante no sexo... e o único objectivo... é ter prazer
[01:39:06] xarmus: e vale tudo para atingir esse objectivo
[01:40:41] xarmus: é evidente que tens que confiar em quem te entregas... mas depois disso... Esquece todas essas paranoias e curte
[01:42:12] Pandora 21: Já tinhas dito isso uma vez. Não tenho respostas para ti porque nem eu as tenho.
[01:43:05] Pandora 21: Não tenho problema nenhum em admitir que muitas coisas ou algumas são paranoias minhas.
[01:44:49] Pandora 21: Tal como não tenho problema em admitir que me assusta a submissão ainda que me excite. Assusta-me entregar-me assim a alguém.  Confiar tanto assim em alguém. É verdade.
[01:46:15] xarmus: eu entendo isso tudo
[01:46:28] Pandora 21: Mas não me admira que aconteça e pronto
[01:47:21] Pandora 21: Porque o problema está em racionalizar algo que não deve ser racionalizado
[01:47:39] xarmus: é isso mesmo. Mas o meu conselho... vai no sentido de te descartares dessas paranoias todas quando chegar ao momento do sexo... não penses muito. entrega-te e goza
[01:48:05] Pandora 21: Gajas
[01:48:29] Pandora 21: É por isso que gosto de gajos
[01:48:32] xarmus: como te disse... tens que confiar em quem te entregas... mas isso tens que decidir antes do sexo... depois de decidires avançar... esquece tudo o resto
[01:48:54] Pandora 21: Fodasse nós complicamos tudo
[01:49:26] Pandora 21: Tanta merda tanta merda
[01:50:17] Pandora 21: Porque eu tenho noção dos meus medos ainda que não me recorde deles.
[01:50:23] xarmus: este conselho é para se te entregares a outro gajo... porque se fosse comigo, não tinhas esse problema
[01:50:53] xarmus: porque eu te punha logo muito à vontade e com muita confiança em mim
[01:51:15] xarmus: eu desperto isso nas mulheres... mesmo as que não me conhecem e nunca me viram… ainda nem percebi bem porquê
[01:51:27] xarmus: como aliás podes testemunhar no meu blog
[01:52:19] xarmus: mulheres que se encontram comigo vendadas ou sem me verem... e deixam-se lamber e foder vendadas e amarradas sem nunca me terem visto e sem me conhecerem de lado nenhum… só mesmo do blog
[01:52:47] Pandora 21: Eu sei
[01:53:34] Pandora 21: Mas eu preciso de sentir para o saber real
[01:54:20] xarmus: sentir o quê?
[01:55:14] Pandora 21: Preciso de sentir confiança em ti para saber e comprovar
[01:55:35] Pandora 21: Ler e saber não me chega
[01:56:23] Pandora 21: A tua segurança intimida e da medo. Pelo menos a mim
[01:56:48] Pandora 21: E eu é que costumo ser assim na minha vida
[01:57:00] Pandora 21: Nos outros campos pelo menos
[01:57:13] xarmus: pois... porque és mesmo desconfiada e tens dificuldade em confiar nos outros... porque todas as outras mulheres se entregam com menos informação mnha do que a tens
[01:57:58] xarmus: porque também não me conhecem... a única informação que têm é o que lêem no blog
[01:58:19] xarmus: tu já me lês há uns bons anos
[01:58:27] Pandora 21: Eu sou desconfiada e insegura no sexo
[01:58:30] Pandora 21: Só
[01:58:50] xarmus: já teclámos montes de vezes... já ligámos a web-cam
[01:58:56] Pandora 21: Ias gostar de me conhecer
[01:58:59] xarmus: pois... eu sei
[01:59:16] xarmus: mas tens mesmo que descontrair e contrariar essa desconfiança
[01:59:31] Pandora 21: Sem ser por esta perspetiva
[01:59:52] xarmus: não tenho duvida que ia gostar de te conhecer em qualquer circnstancia
[02:01:12] Pandora 21: Leio-te e conheço-me de política a religião e aventuras
[02:02:22] Pandora 21: Sei que ia ser bom para os dois. Sou boa a conversar e debater.
[02:03:23] xarmus: mas se nós ainda não nos conhecemos e não nos encontrámos foi porque tu não quiseste
[02:03:43] Pandora 21: Agora tu conheces-me pelo avesso e falamos de assuntos que a mim me são sensíveis então sou tudo o que não costumo ser.
[02:03:50] Pandora 21: Eu sei.
[02:04:28] Pandora 21: Eu sou consciente. É uma escolha. E eu não me arrependo das minhas escolhas.
[02:20:48] xarmus: claro... eu entendo
[02:22:01] Pandora 21: Desculpa, não tens de falar comigo nem suportar os meus medos e traumas. Incomodam-me também a mim. Mas não é fácil curar feridas deixar medos e fazer diferente.
[02:23:23] xarmus: sim... na boa... eu entendo isso tudo. Mas é matéria que deves tentar modificar para seres mais feliz
[02:23:43] xarmus: e para que tenhas um boa vida futura
[02:25:35] Pandora 21: Mas eu vou a portugal um mês antes de ir para Moçambique. Se arranjar coragem para cometer a loucura falamos melhor sobre isso. Fazê-lo é como atirar-me em queda livre sem paraquedas só assim para que saibas. Só me faltam tomates.
[02:26:10] Pandora 21: E tu queiras claro

(Continua no próximo post)

Sem comentários: